No Piauí, 112 agências bancárias estão paradas por conta da greve

A adesão ao movimento grevista dos bancários é de quase 100% em todo o Brasil. No Piauí, 112 agências bancárias estão paradas na capital e no interior desde as primeiras horas desta terça-feira (30), quando foi iniciada a greve geral da categoria por tempo indeterminado. Para o Sindicato dos Bancários do Piauí, a greve está em seu momento mais forte. 

"Todas a agências bancárias, privadas e públicas, do estado estão fechadas. Essa foi a primeira vez que uma greve atingiu 100% no segundo dia de paralisação. Com um movimento desse porte, a nossa expectativa é que a coordenação seja chamada para negociar em breve", afirma o presidente do sindicato, Arimatéia Passos, ressaltando que ainda não foram contactados.
Ele considera que pelo número elevado de agências paralisadas, que superou o movimento grevista de 2013, a tendência é que seja resolvido mais rápido. "Quando a greve é forte, tende a se resolver mais rápido". 

Os bancários pedem um reajuste salarial de 12,5% e reinvidicam melhorias nas questões relacionadas a saúde e segurança do trabalhador bancário. Em todo o Piauí, a categoria tem mais de três mil profisisonais. 

O site do Sindicato dos Bancários disponibilizou a lista com todas as agências paradas no Piauí. 

Cidadeverde.com
© 2013-2021 Diário de Caraíbas - Todos os direitos reservados.