Suspeitos de espancamento e tortura são presos pela Polícia Civil em Teresina

No início desta terça-feira, 28 de fevereiro, em Teresina, a Gerência de Polícia Especializada da Polícia Civil do Piauí realizou uma operação dando cumprimento a mandados de prisão preventiva de faccionados na região da Santa Maria da Codipi, zona norte de Teresina. 

A operação resultou na prisão de três indivíduos. Os presos de iniciais R. D. A. L, V. C. D. E. e C. N. M. R. são acusados de envolvimento no espancamento e tortura de quatro jovens na região. 

Segundo as investigações, os acusados teriam capturado os quatros jovens que teriam sido levados a um matagal onde foram espancados com pelo menos 40 golpes de madeira e foram obrigados a fazer juramentos de lealdade à facção.

As investigação contaram com o apoio da 22ª Delegacia de Policia de Teresina que obteve vídeos dos espancamentos que ajudaram na localização dos acusados e dão conta de que a  tortura foi feita em punição por terem praticado roubos na região da invasão Boa Esperança, naquele bairro.

Segundo o delegado Tales Gomes, as provas recolhidas ajudaram a elucidar outro crime praticado neste mês. “Pudemos também obter elementos de prova do cometimento do crime de homicídio contra Yure de Assis Oliveira Cardoso, morto no dia 10 de fevereiro, cujo corpo foi encontrado na invasão Boa Esperança”. Contou o delegado.

Carlos santos

Repórter e colunista no Diário de Caraíbas.