Filho de lavradores, batalhense conquista 1ª lugar no curso de Direito na UESPI

Filho de lavradores, o batalhense Pedro Otávio Neres Franco conquistou a 1ª colocação para o curso de Direito, em cotas afirmativas, na Universidade Estadual do Piauí (UESPI), em Teresina. Ele faz parte dos aprovados na primeira chamada do Sistema de Seleção Unificada (SiSU) de 2023.

Pedro reside na localidade Grossos, zona rural de Batalha, e frequentou a rede pública de educação no Centro Estadual de Tempo Integral (CETI) Conselheiro Saraiva.

O sonho de cursar Direito foi determinante para se empenhar ainda mais nos estudos. “Direito é um curso em que posso usar minhas habilidades de oratória e outro determinante foi minha paixão pela defensoria. É uma área de atuação em que me vejo realizado. Meus pais ficaram emocionados, pois acompanharam toda a jornada. A dedicação e renúncia para chegar a esta sonhada aprovação”, declarou emocionado.

Em sua rotina de estudos para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), o estudante utilizava o transporte para chegar à escola e participava de grupos de estudo por redes sociais com os amigos para debater redações. Ele conta que teve o suporte do Ceti, que organizava simulados para os estudantes no contraturno e aos finais de semana.

“A escola foi essencial para minha conquista com todo o suporte, principalmente para as aulas que tive dificuldade. Fiz a escola de tempo integral por isso e, à noite, produzia mais redações para treinar com provas antigas. Minha melhor nota foi em redação e a escola me deu todo o suporte para evoluir chegando à pontuação de 960 pontos. Fizemos grupo de estudos trocando ideias com os colegas da turma, principalmente para redação”, disse Pedro.

Em conversa com a redação do Diário de Caraíbas, Pedro contou que a aprovação em 1º lugar foi um bônus, a coroa de muito esforço e renúncia e destacou que os próximos passos é organizar a mudança para iniciar a nova fase.

“A aprovação em 1° foi um bônus, a coroa de muito esforço e renúncia.  Não esperava passar nessa colocação, mas Deus fez questão de me presentear com essa colocação. [...] Os próximos passos é organizar a mudança para iniciar essa nova fase. Essa nova fase vai exigir muito, por isso, vou de peito aberto para dar meu melhor e me tornar um profissional de excelência”, finalizou.

Arnaldo Silva

Diretor-geral de jornalismo, colunista e repórter de política e municípios do Diário de Caraíbas.

Postar um comentário

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor.