Advogado batalhense morre vítima de dengue hemorrágica em Brasília

Morreu na noite desta quarta-feira (1º), o advogado batalhense, Luís Alberto Silva, aos 33 anos de idade, vítima de dengue hemorrágica em Brasília/DF. Ele era casado e tinha um filho.

Lulinha, como era carinhosamente conhecido, era formado em Direito pela Faculdade Chrisfapi, em Piripiri/PI. Ele havia passado no exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-PI) e tornou-se advogado, atuando em Batalha e Piripiri.

A família, que reside na localidade Macambira, zona rural de Batalha/PI, está providenciando o translado do corpo de Luís Alberto. Ainda não há informações sobre o velório e enterro.

Postar um comentário

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que citada a fonte.