Prefeitos vão à justiça para não pagar piso do professor

O presidente da Associação Piauiense dos Municípios (APPM), Arinaldo Leal, afirmou ontem que os municípios piauienses não têm verbas para pagar o reajuste do Piso Salarial do Professor.

“Reconhecemos o valor do professor, mas querer não e poder. Não temos recursos”, Declarou.

A APPM estuda uma representação na Justiça contra o governo federal para não pagar o novo piso salarial do professor, que passou de R$ 1.917,78 para R$ 2.135,00. Os governadores também reclamam do valor.

O novo piso foi anunciado ontem pelo Ministério da Educação. O aumento foi de 11,36% e vale desde o dia 1° de janeiro.

Diário do povo do Piauí

© 2013-2021 Diário de Caraíbas - Todos os direitos reservados.