[ListLayout]
×

Ações que podem cassar prefeito Odival estão conclusas para sentença

Estão conclusas para sentença as ações eleitorais que pedem a cassação do mandato do prefeito de Piripiri, Odival José de Andrade. A Ação de Impugnação de Mandato Eletivo –AIME e a Ação de Investigação Judicial Eleitoral-AIJE foram ajuizadas pela coligação “Unidos Pelo Trabalho” liderada pelo ex-prefeito Luiz Cavalcante e Menezes. A coligação argumenta que o prefeito no decorrer da campanha utilizou as mais variadas formas de abuso de poder, práticas ilegais que vão desde a deflagração de campanha antecipada até a utilização de recursos não declarados, o denominado “caixa dois”.
O valor, segundo a coligação que ajuizou as ações foi desviado para a campanha do então candidato a prefeito nas eleições de 2012.

Um dos fatos elencados na ação é o desvio de recursos federais no montante de R$ 1.043.168,86 (hum milhão quarenta e três mil cento e sessenta e oito reais e oitenta e seis centavos) que deveria ser aplicado na Escola João Coelho de Resende. O valor, segundo a coligação “Unidos Pelo Trabalho” foi desviado para a campanha do então candidato Odival José de Andrade.

 A ação também destaca o uso de Programa Habitacional “Minha Casa Minha Vida”. Fotos anexadas aos autos mostram que os veículos a serviço da empresa que executa obra pública trabalhavam concomitantemente para a campanha do candidato Odival Andrade como um carro que levava diariamente combustível para o maquinário no canteiro de obras e também transportava os cavaletes de propaganda.

GP1

Comentários