Wellington Dias tomou decisão arriscada ao se ausentar do Fogo Cruzado da Antena 10

Em 2012, candidato à reeleição a prefeito de Teresina, Elmano Ferrer não compareceu ao último "Fogo Cruzado" da TV Antena 10, debate que tem um impacto muito grande junto à população.

Aconselhado pela assessoria, Ferrer tomou uma decisão temerária. Durante todo o debate, os candidatos adversários aproveitaram para criticá-lo duramente e dizer que ele não tivera coragem de enfrentar as perguntas sobre pontos nevrálgicos de sua administração.

Elmano perdeu a eleição para Firmino Filho.

Ontem, provavelmente depois de uma discussão com sua equipe, Wellington Dias, candidato do PT ao Governo, enveredou pelo mesmo caminho. O candidato Mão Santa aproveitou para chamá-lo repetidas vezes de mentiroso.

A 10 dias da eleição, com uma quantidade considerada grande de indecisos, a decisão de Wellington de se ausentar do debate, foi no mínimo arriscada.

O candidato forneceu munição para Zé Filho e Mão Santa utilizarem nos seus disparos durante os programas de televisão que ainda faltam. E fica a pergunta: melhor ter ido e se contrapor aos ataques ou se ausentar e deixar que fiquem no ar as inúmeras acusações de que foi objeto?

A resposta virá com a abertura das urnas.

A estratégia tanto pode ter dado certo como pode ter colocado muita coisa a perder. A TV Antena 10 é a emissora de televisão do Piauí que mais cobre o interior do Estado, pouquíssimas cidades não têm o seu sinal. A imagem da cadeira vazia seguramente provocou alguma alteração junto aos eleitores, para o bem ou para o mal do candidato.

Fonte: GP1
© 2013-2021 Diário de Caraíbas - Todos os direitos reservados.