A canela caiu e a energia sumiu!

A situação do sistema de distribuição de eletricidade em Batalha, às vezes é motivo de gozação por parte da população. É quase comum ouvir rumores todos os dias que em tal rua faltou energia, ou em comunidade tal, está sem luz. Nesta época de inverno, a situação piora cada dia.
Em torno de 140 famílias estão sofrendo com a falta de energia nas comunidades: Cana Brava, Bacuri e assentamento Espírito Santo. A redação do acessepiaui.com.br/batalha, recebeu na manhã de hoje (07), reclamação de duas moradoras Isabel Maria da Silva e Maria Lucilene Alves Fernandes. Segundo elas, o problema começou na semana passada. “Fizemos contato com a Eletrobrás e uma equipe esteve no local sábado passado. Os “funcionários resolveram o problema, foram embora, meia hora depois, as “canelas” (peça que liga a rede alta ao transformador) caíram e o problema continuou”, relata Isabel.
A expressão é bem popular, “a canela caiu”. Dona Maria Lucilene, reclama que já fez várias tentativas, por telefone e a Empresa não responde. Com protocolos nº 5361607 e número: 5362365. Vários moradores das comunidades citadas tiveram eletrodomésticos danificados, com o rompimento da eletricidade. Além da volta do fornecimento, as famílias pedem o ressarcimento dos aparelhos.
Além de problemas desse tipo, a energia falta assim que começa a chover, raios e trovoadas são inimigos fatais para a nossa eletricidade, e nem precisa chover aqui tão perto. Preocupada com esta situação, a vereadora Shammara Maria (PR), esteve em Brasília, onde protocolou ofício, solicitando do Ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, solução para as constantes oscilações de energia e queima de transformadores no município de Batalha.
  

Comentários