Batalha pode entrar na onda de protestos que se espalha pelo país

De acordo com um professor da rede pública municipal de ensino, um grupo de pessoas de Batalha está se mobilizando para realizar uma grande manifestação em apoio aos atos realizados em todo o país.

A exemplo de outros lugares, os cabeças do movimento pretende mobilizar o povo através das redes sociais para criar as diretrizes e a pauta de reivindicações que será apresentada em cartazes e faixas. O ato público será apartidário e pacífico. 

“Não sabemos quanto tempo essas manifestações durarão, então não podemos perder a chance de levantar as questões importantes para nossa cidade. Há muitos motivos para protestarmos. O movimento é político, sim, como toda movimentação social. Mas é "apartidário”, disse o educador.

Com o slogan "Acorda Batalha", a campanha já circula nas redes sociais e centenas de manifestantes estão sendo convocados para o encontro que deverá acontecer na sexta-feira, dia 28 de junho, às 16h na Praça José Ribeiro Fontinele (Sapucaieira) e seguirá em caminhada até o Centro de Convivência dos Idosos - CCI, onde ocorrerá o XXVIII Festival Junino de Batalha (PI).
© 2013-2021 Diário de Caraíbas - Todos os direitos reservados.