Paciente se revolta com duração de atestado e agride médico no Piauí

Um paciente foi preso após agredir um médico no Hospital da Primavera, localizado na zona norte de Teresina. O caso ocorreu nesta terça-feira, dia 05, e o paciente não teve a identidade revelada.

Segundo informações, além de agredir o médico, o homem também entrou em luta corporal com um policial militar que fazia a segurança da unidade de saúde.

Ainda segundo informações, o homem teria ficado insatisfeito com a quantidade de dias de atestado que o profissional de saúde o receitou. Ele foi preso em flagrante.

O médico foi levado ao Instituto de Medicina Legal (IML) para realizar o exame de corpo de delito e logo após para a Central de Flagrantes onde registrou o ocorrido.

Em nota enviada à imprensa, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina lamentou o ocorrido e afirmou que o médico foi orientado a fazer boletim de ocorrência e que ele foi afastado do plantão no hospital.

Veja a nota da FMS

A Fundação Municipal de Saúde lamenta o ocorrido. Os serviços de segurança foram acionados, o médico foi orientado a fazer boletim de ocorrência, se ausentar do plantão e substituído por outro profissional para que os demais pacientes tivessem o atendimento.

Postar um comentário

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor.