Criança finge não acordar para faltar à escola e mãe aciona Samu

No norte do Paraná, uma mãe em pânico acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) após o filho de 8 anos fingir não acordar para não ir à escola. O caso aconteceu na última sexta-feira (17) no Conjunto Requião em Maringá.

Segundo informações, a mãe do menino acionou o serviço de emergência por volta das 7h30 informando que tentava acordar o filho há uma hora e a criança não reagia.

De acordo com o portal G1, uma ambulância do Samu com três profissionais – motorista auxiliar, enfermeira e médico – percorreu cerca de 10 quilômetros até o local de atendimento.

O médico que atendeu a criança contou que percebeu que o paciente estava bem já no primeiro contato. Assim que encostou o dedo na testa do menino, a criança franziu as sobrancelhas.

Segundo a mãe do menino, o despertar aconteceu após a criança sentir a picada da agulha no dedo, para fazer o teste de glicemia. O teste foi realizado e não indicou anomalias, segundo o médico.

Postar um comentário

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor.