Casarão da Vitória de Cima, patrimônio histórico de Batalha

Por Antonio Francisco da Silva

Visitei hoje fazenda Santa Vitória na localidade Vitória de Cima, zona rural de Batalha, na companhia do secretário de Esporte, Turismo, Lazer e Juventude Francisco Castro (Neném Celedone), do motorista José Edson (Júnior),dos professores Genival Machado, Antônio de Pádua (Careca), da historiadora Patrícia e da arqueóloga Luzia que são funcionárias do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

Ao chegar lá fiquei encantado com o casarão que existe no lugar. Colhemos muitos relatos dos moradores que nos disseram que o casarão foi construído no século XVIII. Suas paredes possuem uma espessura de aproximadamente 80cm.

A recepção do Josafá , sua esposa Roseli e seu filho Delano para conosco foi muito carinhosa. Foi dado pela Prefeitura Municipal o pontapé inicial de uma grande obra, obra essa que tem o intuito de preservar o nosso patrimônio histórico e assim gerar prosperidade para a amada Batalha.

Com certeza as pessoas do próprio município, dos municípios vizinhos e até de outros estados virão visitar e através dessas visitas ocorrerá a geração de renda para nossa Batalha.

*Esse texto foi escrito pelo Professor de Biologia da Rede Estadual e Municipal de Ensino, Antonio Francisco da Silva.













*** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Diário de Caraíbas