Homem é preso suspeito de matar bebê e manter família presa no Piauí

Um homem identificado apenas pelas iniciais R.S.S., 36 anos, foi preso suspeito de matar o próprio filho, um bebê de sete meses e de manter a esposa, a sogra e o filho de dois anos em cárcere privado. O caso aconteceu no bairro Matias, em Elesbão Veloso, interior do Piauí.

Os policiais foram acionados por Conselheiros Tutelares na segunda-feira (28). A prisão aconteceu na residência onde a família vivia. À polícia, a mulher do suspeito, uma jovem de 20 anos, relatou que vivia em cárcere privado na companhia de seu filho de dois anos e sua mãe idosa.

A vítima também comentou que sofria ameaças e agressões do seu companheiro e que ele teria matado o filho mais novo do casal porque a criança chorava demais.

"Logo após o ocorrido, R.S.S teria ameaçado a companheira e a sogra, acaso contassem a verdadeira causa da morte. Em razão dos fatos, a equipe policial iniciou as diligências para prender o suspeito dos crimes", informou a PM em nota ao A10+.

Por volta das 17h30 de segunda (28), R.S.S foi localizado e preso. Indagado sobre os fatos, o homem afirmou que mantinha a família em cárcere privado por ter ciúmes de sua companheira e que seu filho de dois anos tinha sido o autor da morte do bebê.

Durante consulta à documentação do suspeito, verificou-se que havia um mandado de prisão em aberto expedido pela 2ª Vara da Comarca de Presidente Dutra-MA, pelos crimes de cárcere privado, ameaça, lesão corporal e violência doméstica.

Diante disso, R.S.S foi preso e apresentado na Delegacia de Polícia Civil de Elesbão Veloso. Ele ficará à disposição da justiça para os procedimentos cabíveis acerca do caso.

*As informações são do portal A10+

Postar um comentário

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que citada a fonte.