Suspeito de estupros é morto a pedradas por populares no Piauí.

Antônio Manoel da Conceição Nascimento, 35 anos, foi agredido por populares com pedradas e pauladas até a morte na comunidade rural Água Fria, em Campo Maior. A vítima era suspeita de pelo menos três estupros na região. A polícia daria cumprimento ao mandado de prisão nessa segunda.

Segundo a polícia, Antônio Manoel, vulgo “Bodão”, foi morto no último sábado após tentar realizar um novo estupro. Populares revoltados encontraram o suspeito apenas com a peça íntima da roupa e iniciaram o linchamento. Pedras e pedaços de madeiras foram usados pelos revoltosos para atingir Bodão. Ele teve o crânio esmagado e morreu no local.

O delegado Laércio Evangelista revelou que Antônio Manoel era investigado por três estupros cometidos na comunidade. “Ele já respondia por três estupros. O último foi há 30 dias. Na noite desse sábado ele tentou estuprar uma pessoa. Populares revoltados com o comportamento dele o mataram a pauladas e pedradas”, disse.

A polícia aponta que entre as vítimas do suposto estuprador estava uma idosa de 75 anos. Laércio Evangelista comentou que daria cumprimento a um mandato de prisão contra ele nessa segunda. “Conseguimos o mandato de prisão dele semana passada pelo estupro de uma idosa de 75 anos. Iria dar cumprimento nessa segunda”, afirmou.
Com informações do Campo Maior em Foco
Postar um comentário

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor.