[ListLayout]
×

Moradores de assentamento em Batalha esperam por luz desde de 2011

Na localidade Serra de Dentro, Zona Rural de Batalha-Pi, existe um assentamento com o mesmo nome criado com verbas oriundas do governo federal. Com cerca de 4 anos de existência, o assentamento Serra de Dentro nunca viu um ponto de energia, sendo que a rede elétrica mais próxima fica a menos de 1.5 km de distância. À noite, só com lamparina ou lampião.
 
Outro fato vergonhoso é que as casas entregues aos moradores também não tinha água para seus residentes, sendo o prefeito da época, Amaro Melo, que construiu um poço para assistir aos assentados.

A bomba do poço que leva água aos moradores é acionada por motor diesel, mas está queimada. A população resolveu, com a ajuda do empresário Zé Luís do Frango, Paulo Gomes e Fábio Felix, fazer um bingo na noite de ontem (01) para conseguirem arrecadar dinheiro para a compra da nova bomba e, assim, minimizar os problemas dos assentados.

As famílias vivem apesar de “assentadas” enfrentando uma série de dificuldades que partem do descaso  do governo federal e de seus apoiadores em realizar uma reforma agrária que realmente ofereça as condições mínimas para que essas famílias sobrevivam do próprio trabalho e com dignidade no campo.

Acreditava-se que quando se tratava de assentamento, o governo federal mandava verbas para estruturar a localidade com água, luz, escola, posto de saúde e estradas. Se for verdade, porquê só em Batalha é diferente?

Na tarde deste domingo fizemos contato com Carlos Araújo, assessor de comunicação da prefeitura de Batalha, ele nos disse que na quinta-feira(30) o governo municipal mandou instalar um equipamento novo (motor e bomba), e já está funcionando.

Por Carlos Magno Filho

Comentários